DR. EDUARDO BORNHAUSEN DEMARCH
CRM/SC 19387

RUA JOÃO PLANINCHECK, 1990. BLUE CHIP CENTRO EXECUTIVO. JARAGUÁ DO SUL, SC.

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon

Criofrequência: tecnologia revolucionária para uma remodelação corporal e facial completa.

Perguntas Frequentes

Quais são as áreas de aplicação
da Criofrequência?

Criofrequência pode ser aplicada tanto na região facial (rosto e pescoço), quanto na região corporal (glúteos, pernas, braços, abdômen, costas, flancos).

As aplicações dessa terapia são feitas com movimentos ascendentes e/ou descendentes, de acordo com o objetivo do tratamento e são totalmente indolores. A sensação que o paciente tem durante as aplicações é somente do contato da ponteira, que chega a 10 graus negativos, com a superfície da pele. A alta temperatura atingida durante o procedimento não é nem mesmo sentida pelo paciente, pois ocorre em camadas internas da pel

Resultados da Criofrequência.

Com a Criofrequência o resultado é imediato, tanto no sentido de lifting instantâneo, quanto na redução de medidas, provando mais uma vez o porquê que essa tecnologia têm ganhado cada vez mais espaço no mercado: credibilidade, qualidade, segurança, alta tecnologia e o mais importante, resultados duradouros!
 

Para realizar o procedimento, é necessário que se tenha uma vida saudável, com alimentação balanceada e boa ingestão de líquidos. Isso já é suficiente para que se perceba ótimos resultados desde a primeira sessão.

Contra-indicações da Criofrequência

A Criofrequência é contra-indicada para pacientes com:

Marcapasso:

Por se tratar de um dispositivo cardíaco responsável pelo regulamento dos batimentos cardíacos, qualquer onda eletromagnética ou ultrassônica pode desestabilizar seu funcionamento.

Grávidas e lactantes:

Ondas eletromagnéticas ou ultrassônicas podem influenciar no desenvolvimento do bebê, ou mesmo na lactação. Estudos não são permitidos para que se prove sua influência. Devido a isso, por segurança, não se aplica nesses casos.

Dermatite:

Inflamações e/ou infecções de pele podem ser agravadas com a utilização da Criofrequência ou qualquer outra eletroterapia. O médico deve ser consultado sobre o grau da dermatite em questão.
 

Epilepsia:

Clientes que possuem epilepsia como doença ou como sintoma podem ter crises estimuladas através de tratamentos que promovem aquecimento ou luz (por exemplo: Luz Pulsada)

Câncer:

Pacientes com qualquer histórico de câncer devem ser liberados pelo médico responsável após 5 anos da finalização do tratamento por completo. Alguns cânceres têm alta probabilidade de recidiva, e tratamentos que emitem onda eletromagnética pode influenciar negativamente.

Uso de corticóides:

Os corticóides estão ligados à doenças imunossupressoras, que também são contra indicações de tratamento, como por exemplo Lúpus. Caso o Corticóide seja utilizado por pouco tempo devido a uma inflamação grave, por exemplo, deve-se aguardar, no mínimo, 7 dias após uso do medicamento. Como ele tem o poder anti-inflamatório, seu uso “corta” o efeito do tratamento. Sendo assim, o cliente não irá conseguir perceber os resultados.

Implantes de metal e/ou silicone na zona a ser tratada:

Implantes de metal e/ou silicone podem aquecer ou movimentar conforme a onda eletromagnética, como por exemplo, na opção Monopolar. Por este motivo, para segurança do cliente, não aplica-se a opção Monopolar da Criofrequência diretamente nas áreas onde há os implantes.

Benefícios da Terapia de Criofrequência

A criofrequência combate os três grandes inimigos das mulheres: flacidez, celulite e gordura localizada;

É possível obter o máximo de resultado para flacidez e gordura localizada em uma única sessão;

Pode ser usado tanto para tratamento facial quanto corporal completo;

Permite tratar com excelência as áreas difíceis do corpo, como papadas, gordurinhas entre axila e seio e as gordurinhas do “tchauzinho”;

O tempo de tratamento da criofrequência é, em média, de 30 minutos;

Aplicação da terapia de criofrequência é extremamente confortável e indolor.